...........
históricoconceitual

A dançarina, coreógrafa e diretora Carmen Parternostro concebeu em 1976 o GRUPO INTERCENA como um conceito de criar espetáculos cênicos de forma INTERDISCIPLINAR, a partir da dança envolvendo artistas e grupos convidados de outras áreas como música, teatro e artes plásticas.

O conceito "INTERCENA", inicialmente orientado por uma revitalização contemporânea das tradições da cultura afro-baiana, incluiu também intenções INTERCULTURAIS, integrando nos seus trabalhos elementos regionais da multifacetada cultura brasileira, como também elementos de outras culturas, principalmente das africanas e européias.

Nas circunstâncias características da década de setenta no Brasil, a formação do núcleo do INTERCENA teve um caráter cooperativista e seu trabalho com outros artistas e grupos segue uma de criação e produção coletiva voluntária, sem constituição jurídica. Portanto o INTERCENA, também por razões econômicas, se manifestou por suas produções através de um fluxo de participantes ativos.

A partir de 1978 Carmen Paternostro, por razões artísticas e pessoais, saiu da Bahia, aceitando primeiro um convite de integrar-se ao grupo Acción Instrumental de Buenos Aires na Europa, em 1979 mudando-se para Calcutta na Índia, fundando o seu Dance Theatre Calcutta, e em 1982, voltando para o Brasil, fundando em Belo Horizonte o seu grupo Pagú Teatro Dança. Essas três excursões resultaram num enriquecimento e aprofundamento do conceito básico de INTERCENA, sob designações variadas conforme os contextos culturais nacionais e locais.





  
.